Iphone-4-japao-hg-20100624

As décadas passam e a gente continua espantado com coisas que ouvimos sobre a relação dos japoneses com produtos e serviços de tecnologia. Lembra quando éramos crianças, quando alguns falavam que os japoneses jogavam fora seus aparelhos de videocassete (na época caros por aqui) quando compravam um novo, de geração mais atual? Pois é, do outro lado do mundo as coisas ainda funcionam bem diferentes, ao ponto de o Yahoo! ser mais bem posicionado que o Google e as operadoras pagarem US$ 250,00 a um cliente que esteja disposto a levar um iPhone 4 para casa.

Essas descobertas eu fiz ontem ao escrever um texto para o Techtudo, onde falava de um “Yahoo Phone” baseado no Android que estaria sendo desenvolvido para lançamento pela operadora SoftBank. Em plena madrugada, quando era dia no Japão, comentei o artigo no Twitter e descobri que tenho um leitor lá da terra dos samurais. Batemos um papo sobre esses assuntos e ele me revelou outra peculiaridade do mercado de smartphones do Japão, também envolvendo a Softbank. A operadora paga ao cliente US$ 250,00 se ele topar levar para casa um iPhone 4 na assinatura de um plano de telefonia celular.

Segundo o leitor, que fez uso da promoção para comprar um aparelho para sua mãe, a Softbank faz um depósito de US$ 150,00 na conta bancária do cliente e ainda dá a ele um vale compras de mais US$ 100,00. Em troca disso, basta que você se comprometa com um plano que prevê fidelidade de dois anos. Para quem entender japonês, a página da curiosa promoção pode ser vista aqui.

É uma loucura isso? Não! Acontece que no Japão as coisas continuam funcionando exatamente como já funcionavam naquela época dos videocassetes. Por aqui, com o lançamento do iPhone 5, o iPhone 4 continuará tendo demanda porque ele passará a funcionar como “modelo de entrada” da plataforma da Apple. Como não existe propriamente um iPhone de entrada, a geração anterior acaba cumprindo esse papel toda vez que um novo modelo é lançado. O que acontece no Japão é que ninguém quer um iPhone 4 após ser lançado o iPhone 5. Para a operadora, o grande lance é se livrar do modelo “ultrapassado” antes que ele se torne um problema encalhando nos estoques.

É isso aí, as décadas passsam e a gente continua se impressionando com essas histórias do outro lado do planeta.

Minhas saudações ao Itiro Souza e aos outros leitores lá do Japão.

Oss!

Categorias: iPhone / Tags , , , , , , , , , , , .

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>