Don't Give a Damn

Dia desses instalei o Avast num PC e ao final do registro veio uma pesquisa sobre meu interesse em ter um Antivírus no Android. Acho esse assunto uma bobagem tão medonha que fica até difícil responder com educação. Estão criando uma falsa crise apenas para abrir mercado e forçar o consumo de aplicativos inúteis, que apenas vão drenar recursos dos dispositivos.

A bomba sensacionalista do dia é que, segundo um “estudo”, os vírus para Android aumentaram em 472% no último semestre. Sabem onde eu estive no último semestre? A maior parte do tempo testando quase tudo o que surgiu para essa plataforma e comendo o que eu podia bom conteúdo publicado sobre o assunto. Sabe onde eu vi esse Leviatã, essas Bestas do Apocalipse surgindo? Em lugar nenhum!

Não preciso entrar em detalhes sobre a desnecessidade de antivírus no Android aqui porque isso já foi feito no artigo que linkado no início e absolutamente nada mudou, na prática, de lá para cá. O que mudou foi que a sanha das empresas que ganham com (in)segurança aumentou.

O iOS é um sistema bastante fechado e essas empresas sabem que a Apple pode simplesmente banir antivírus que sejam publicados na App Store e declarar que a plataforma não necessita deles. O único sistema mobile viável, para onde as empresas de antivírus podem se expandir, é hoje o Android. Elas estão ansiosas para desbravarem esse novo território e falsas crises de segurança serão alardeadas até que consigam.

Hoje, a única função de um antivírus no Android é, conforme explicado detalhadamente no outro artigo, a de ocupar recursos do seu sistema e talvez drenar mais rapidamente a carga da sua bateria. As empresas de antivírus querem invadir o Android com a mesma estratégia com que o Scarecrow age no Batman. Depois que o pânico se instaura, tá tudo dominado.

BBFC-27

Categorias: Segurança / Tags , , .

8 respostas a Antivírus no Android continua sendo bobagem, em detrimento dos “estudos”

  1. Sérgio Neves disse:

    100% de acordo. Mesmo em pc's, não tenho a certeza que o antivírus seja assim tão necessário e fiel.

  2. Renato Silva disse:

    Mesma técnica pela qual se espalharam pelo windows onde até o XP realmente eram necessários, desde o Windows 7 eles veem perdendo terreno, eu mesmo nunca mais instalei anti-virus no windows e vivo bem sem.

    • Estive conversando com um amigo logo após publicar esse texto e foi justamente o que ele falou. E olha que ele trabalha com TI num ambiente onde o usuário final é a maior fonte de insegurança, onde não se pode confiar no bom-senso desse usuário pra manter o sistema seguro. Mesmo assim ele relatou que durante um bom período o Win 7 ficou sem ser afetado, mesmo sem instalar qualquer antivírus.

  3. Gustavo disse:

    Assim como você, eu passo a maior parte do tempo baixando e instalando tudo quanto é app de tudo quanto é site, e no mesmo aparelho acesso o internet banking e até faço compras com cartão de crédito. Sabe quantos vírus eu já ví no meu Android? Nenhum.

  4. Ticiano, antes de tudo, PARABÉNS! Graças a você consegui criar a coragem necessária para me aventurar no mundo dos roots e mod`s. E vem dando certo!
    Queria, no entanto, fazer uma pergunta: vocês (e você também, Ticiano), frequentadores do Blog, já viram a função anti-furto do avast! ? Com certeza, mesmo tendo pouquíssimo tempo de Android, é um dos apps mais bacanas que já vi. E não vi outras opções similares.
    Com a função anti-furto a gente pode comandar o celular quase que inteiramente: saber a localização do cel, ouvir ligação dos ladrões, etc. Tudo via comando SMS!!!!

    Se alguém pensa em segurança, vale a pena conferir, até mesmo pra poder recuperar o aparelho, em caso de "acidentes furtivos"! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk.

  5. Pingback: Coisas que você deve saber caso o seu Android apresente problemas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>